LUZ, CÂMERA E AÇÃO!!!

futuro

Justificativa: Estamos no século XXI, e a era da informação é um fato consumado, a cada dia os homens estão mais atentos aos fatos. É preciso, assim, pensar sobre como tem acontecido a elaboração do conhecimento, uma vez que, a todo o momento e em diferentes espaços (escola, família, clubes, igrejas), a mídia tem exercido influência no processo de formação humana. Neste sentido, Duarte (2004, p.213) observa que, hoje, a educação a ser oferecida exige novos pressupostos, entre eles, aquele que admite produção e a difusão de conhecimentos por textos compostos em imagem-som e que possam ter legitimidade, confiabilidade e valor epistemológico como de outras fontes.

A escola como um dos grandes mediadores do conhecimento, compreende a dimensão e a responsabilidade ao trazer para a sala de aula discussões de filmes e vídeos, o que pode ser mais um recurso para articular a ação pedagógica, o conteúdo e os novos apontamentos cognitivos. O cinema, além da vertente científica, histórica e literária, pode também auxiliar os alunos a expor suas ideias, seus conflitos e, então, organizar valores para a própria formação humana.

O ensino através da arte cinematográfica é um dos grandes ganhos da educação, porque mesmo sendo apenas um meio de comunicação e expressão, propicia uma melhor visão de mundo, colaborando na formação de alunos mais conscientes, críticos e reflexivos, o que influencia diretamente na qualidade da educação, fechando o ciclo: Educação de Qualidade.

Contexto Geral: O Cinema é um meio de comunicação que tem poder criativo, de curiosidade e pesquisa científica, pois além de divertir e entreter influencia no modo como enxergarmos o mundo. A relação entre cinema e educação, principalmente a educação escolar, faz parte da própria história do cinema e pode transformar-se numa proposta educativa, ao termos a oportunidade de focar aspectos psicológicos, sócio históricos, literários, científicos e cinematográficos, de forma separada ou em conjunto.

O cinema, como proposta educativa, pode trazer vários benefícios para os educandos, em seu desenvolvimento integral.

Podemos destacar alguns destes benefícios:

  • aproximar os conteúdos escolares do aluno por ser um recurso lúdico dando-lhe uma visão mais ampla de mundo;
  • desenvolver a imaginação e a criatividade;
  • abrir espaço para debates e comparações;
  • facilitar a compreensão de temáticas que por vezes podem ser bastante abstratas de se trabalhar em sala de aula;
  • auxiliara dinâmica e o modo de organização da aprendizagem;
  • desenvolver relações de empatia e respeito;
  • conscientizar em relação aos valores humanos e mediar o conhecimento e a aprendizagem.
como-estrelas-na-terra

Educação Infantil – O projeto ‘‘ Como estrelas na terra’’, revelará o cinema, como uma proposta capaz de promover a aprendizagem interdisciplinar, partindo do todo (filme) para a parte (personagens), possibilitando aos alunos vivenciarem “situações virtuais” que envolvem o desenvolvimento da autoestima, da curiosidade, expressão livre do pensamento e principalmente das emoções, considerando que a criança entra em contato com o mundo sensorial, através das diferentes linguagens, imagens, sons, palavras e músicas.

A partir desse contato ganha instrumentos para a construção de sua identidade pessoal, ao se identificar com personagens, cenários e situações que fazem parte do seu cotidiano. Por meio do cinema, o projeto pretende proporcionar momentos prazerosos e felizes, enriquecimento cultural e incentivo a formação apreciativa da criança, desde a educação infantil, despertando assim, o gosto e encantamento pela a arte cinematográfica.

mundo

Fundamental I – O projeto buscará lançar mão do uso de mídias como ferramentas pedagógicas, o cinema será amplamente usado seja através de filmes, que ilustram um contexto social ou histórico (ensinando com o cinema), com filmes produzidos com intenções pedagógicas (ensinar pelo cinema) ou ainda ter um filme como resultado de um processo (ensinar a arte cinematográfica).

O objetivo principal doprojetoserá a aplicação social da prática educativa, o letramento em todas as áreas do currículo, isto é, a ampliação da visão de mundo da criança, mesmo que através das imagens e do enredo, ver-se como protagonista da própria vida. “Não tem como as crianças serem preparadas para a vida num momento e num outro viver a vida efetivamente, essas situações acontecem concomitantemente”.

Apenas quando os alunos se deparam com questões reais é que aprendem a lidar com elas, o cinema antecipa isso, permite o ensaio, a experimentação de emoções e de situações. Transcende o acadêmico e simula o ambiente próximo, traz para a cena real, vivências imaginárias, desperta a curiosidade e o questionamento, trabalha valores e a criticidade.

acao

Fundamental II e Ensino Médio – O projeto pretende trabalhar o cinema, a sétima arte, como instrumento de aprendizagem dentro da escola, entendendo o cinema enquanto expressão cultural de uma sociedade, ou seja, expressão do pensamento coletivo.

Desta forma, partimos do entendimento dos filmes e vídeos desde a perspectiva histórico social, as ideias e valores que permeiam os enredos, as tecnologias utilizadas e a análise científica e crítica das ideologias que embasam a obra cinematográfica.

O foco está centrado na transformação dos indivíduos, através da informação, análise, capacitação e desenvolvimento de habilidades, que permitam a sua atuação consciente, tais como: compreender a linguagem cinematográfica; contextualizar arte e a literatura; valorizar a diversidade cultural; contextualizar os processos histórica e geograficamente; compreender e elaborar ferramentas científicas e físicas para a produção audiovisual; construir argumentações e elaborar propostas para intervir na realidade.